NotciasHome / Notcias / BMJ E UNIVERSIDADE DA CID...
BMJ e Universidade da Cidade do Cabo firmam parceria com Secretaria de Sade de Florianpolis para a implantao do Pack Brasil 12/08/2015

A BMJ, editora do The BMJ (antigo British Medical Journal), acaba de firmar parceria com a Secretaria de Saúde de Florianópolis para fornecer conteúdo educacional ao Pack Brasil, projeto voltado para a Atenção Primária de Saúde da capital catarinense. O projeto foi criado na Universidade da Cidade do Cabo, na África do Sul. Um grupo de cientistas da universidade acompanhará a implantação do Pack em Florianópolis.

Pack, em tradução livre, significa “Guia Básico para Cuidados da Saúde” e foi adaptado por profissionais da Secretaria de Saúde de Florianópolis, com o apoio da BMJ e da Universidade da Cidade do Cabo. O Pack é um guia para médicos e enfermeiros de atenção primária que visa facilitar a tradução do conhecimento científico para a prática clínica. Ele abrange cerca de 40 sintomas e 20 condições crônicas comumente encontradas nos pacientes que buscam atendimento na atenção primária.

Florianópolis é a primeira cidade brasileira a implantar o Pack, projeto que promete melhorar a Atenção Primária de Saúde de forma barata e eficiente, tornando-se referência para outras cidades brasileiras e do mundo.

A BMJ está oferecendo ao Pack Brasil todo o conteúdo de sua ferramenta digital online chamada BMJ Best Practice. Trata-se de uma plataforma online pela qual médicos, enfermeiros e outros profissionais da saúde podem consultar em tempo real mais de 1.010 tópicos cobrindo diferentes enfermidades e respondendo a dúvidas sobre diagnósticos, exames, tratamentos e prognósticos, entre outros assuntos.

Além da adaptação dos guias de prática, o Projeto Pack Brasil prevê também o treinamento dos profissionais e a implantação nos centros de saúde. Esta adaptação, a efetividade de sua implantação e o know how para capacitação da equipe serão avaliados pelos cientistas da Universidade da Cidade do Cabo, envolvendo também universidades brasileiras e de outros países. Seus resultados serão avaliados para definição de seu potencial de disseminação.

Na África do Sul, onde o Pack tem sido implantado progressivamente nos últimos 15 anos, diversas pesquisas e ensaios clínicos mostram uma relação direta entre a utilização do guia e melhoras na qualidade das prescrições, dos diagnósticos e dos encaminhamentos, além de melhora no estado de saúde da população atendida e na segurança dos profissionais de saúde para a realização de seu trabalho.

 

<< voltar s notcias

PARCEIROS

AFILIADOS