NotíciasHome / Notícias / SBMFC DIVULGA PERÍODO PAR...
SBMFC divulga período para registro de adesão para o curso de Especialização em Preceptoria de Medicina de Família e Comunidade para todos os residentes de MFC 05/04/2016

Com o objetivo de dar continuidade às ações do Plano Nacional de Formação de Preceptores para Programas de Residência, a Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade (SBMFC) juntamente com a Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde (SGTES/MS) divulga o período para o registro de adesão na Especialização em Preceptoria de Medicina de Família e Comunidade, que é destinada para os residentes das Residências de MFC (RMFC) autorizadas pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM).

Esta ação está associada a portaria nº 139, publicada no Diário Oficial da União em 18 de março de 2016, e estabelece orientações e diretrizes para concessão de bolsa-formação para os médicos residentes. Esta modalidade de bolsa será concedida aos residentes que cursarem a Especialização com duração de 2 anos, que será ofertada por uma instituição de ensino de referência, no valor mensal de R$2.500,00 e será custeada pelo Ministério da Saúde. Ainda, ao final do curso os residentes estarão capacitados para exercerem preceptoria em RMFC e com alunos de graduação, além de poderem contribuir para o processo de expansão das vagas de RMFC prevista para os próximos anos.

             A adesão pode ser feita de 5 a 15 de abril através do preenchimento do formulário disponibilizado no link http://ow.ly/10mNfL . A divulgação da listagem dos candidatos aptos a fazer a matrícula no curso será feita futuramente. Cabe ressaltar que não existe limitação do número de vagas aos candidatos que preencherem os pre-requisitos previstos.

Informações sobre a Especialização:

·         O que é? É um Curso de especialização (pós-graduação lato sensu), modalidade à distância, destinado à formação de profissionais médicos que possam desenvolver as atividades de preceptoria qualificada para a graduação em medicina e para a residência de Medicina de Família e Comunidade. Ele será ofertado nacionalmente com turmas nos anos de 2016 e 2017, tendo a duração de 22 a 24 meses.

·         Carga Horária: 540 horas

·         Tempo de dedicação semanal: 6-8 horas (estas horas são além da Carga Horária da Residência de MFC, não podendo ser computada para ela); 

·         Tutores do Curso: os tutores que acompanharão a distância as turmas da especialização terão obrigatoriamente residência em Medicina de Família e Comunidade ou título de especialista pela SBMFC e receberão formação para desempenhar esta atividade;

·         Processo pedagógico e avaliativo em EAD: o aluno realizará as atividades deste Curso a distância, em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), no qual estarão disponibilizados os materiais educacionais e as avaliações de cada módulo. Neste AVA ocorrerão todas as interações dos alunos e tutores, como troca de experiências e a entrega do TCC. Nesta modalidade de aprendizagem, o aluno pode estudar nos horários que achar conveniente, entretanto deverá realizar as atividades avaliativas nos prazos estabelecidos no cronograma. Os conteúdos são devolvidos através de situações problemas que simulam a realidade da rotina de atendimento numa Unidade Saúde e de aprendizagem que um residente deve vivenciar. Pela legislação brasileira de Educação a Distância, as avaliações presenciais devem, obrigatoriamente, ter um peso maior do que as avaliações realizadas no AVA a distância, desta forma ocorrerão 2 provas presenciais de forma síncrona no Brasil inteiro (uma ao final de cada ano). As unidades de ensino apresentam conteúdos e ferramentas para a formação de um Preceptor de MFC, além de aproximadamente 200 horas de conteúdos clínicos. Todos os conteúdos do Curso são desenvolvidos e revisados por MFCs com o apoio de outros profissionais como, por exemplo, pedagogos e designs instrucionais.

·         Estrutura Curricular: são 8 Unidades de ensino. Cada Unidade de ensino possui de 6 a 12 módulos.

Unidade

CH Unidade

Introdução ao ensino a distância

10

Introdução à Medicina de Família e Comunidade e à APS

50

Abordagem Individual

60

Abordagem Familiar

55

Abordagem Comunitária

55

Primum non nocere (prevenção quaternária)

55

Implementando um programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade

62

Processos de Ensino e Aprendizagem em Saúde

102

Projeto de Intervenção (TCC)

60

Projeto de Intervenção (anexo do TCC)

20

Atividades presenciais*

11

*As atividades presenciais ocorrerão na sede da Residência a qual o residente estiver vinculado. Caso não exista condição técnica para que isto ocorra, o aluno deverá se deslocar para a capital de seu estado para realizar as 2 provas e a defesa do TCC (3 encontros presenciais), sendo o custo de deslocamento e estadia de inteira responsabilidade do aluno

 

<< voltar às notícias

PARCEIROS

AFILIADOS